Suicídio e Enxaqueca

E lá se foi mais um setembro, inclusive sua “versão amarela” (campanha brasileira de prevenção ao suicídio), nada comemorativa.

Mesmo ao final dessa campanha, será válido falar sobre algo que não se falou, o que a #ciência já comprovou sobre a relação da #enxaqueca com a #depressão e o #suicídio.

A enxaqueca acomete cerca de 20% das mulheres e 10% dos homens. É a terceira doença mais debilitante no mundo em pessoas abaixo dos 50 anos. Pacientes com enxaqueca sofrem de outros distúrbios de forma simultânea. Destacam-se: depressão (63,8%), #ansiedade (60,4%), #distúrbiosdosono e #transtornodoestressepóstraumático. Por sua vez, esses transtornos estão altamente relacionados ao suicídio e ideações suicidas (são fatores preditivos fortes).

A enxaqueca caracteriza-se por episódios recorrentes de dores de cabeça tipo pulsação, de intensidade moderada a forte, em geral acompanhada de alguns sintomas como náuseas, vômitos, aversão a luz, cheiros e ruídos. Algumas pessoas antes da crise de dor apresentam alterações visuais, de sensibilidade nos membros, face, fala ou da consciência. Esses sintomas são chamados de aura. Existem, portanto, pessoas que apresentam #enxaquecacomaura e outras, #enxaquecasemaura.

A relação entre enxaqueca e suicídio aparece justamente nos pacientes que tem enxaqueca com aura. Neles, evidenciou-se um maior índice de suicídio, tentativas de suicídio e ideação de suicídio, especialmente em adolescentes e adultos jovens. Identificou-se um maior risco de suicídio quanto maior a frequência das #doresdecabeça e o risco aumenta ainda mais nos pacientes com #enxaquecacomauracrônica.

Baixo nível de escolaridade e alto índice de massa corporal (#IMC) aumentam também o risco de suicídio. A relação da enxaqueca com aura e o suicídio tem uma base genética comum e alguns mecanismos fisiológicos neuroquímicos relacionados a #serotonina e #dopamina cerebral.

Moral da história: uma pessoa com enxaqueca com aura que também tenha depressão merece receber rápida e cuidadosamente tratamento para as duas condições.

Agende uma consulta

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *